Quem Somos

A APPACDM de Anadia é uma Instituição Particular de Solidariedade Social que tem como atividade específica educar, formar e habilitar a pessoa com dificuldade intelectual e desenvolvimental, potenciando a sua valorização, integração e autonomia nos contextos familiar, social e profissional.

Tendo como base a sua Missão, Visão e Valores, esta Instituição adota 5 políticas promotoras de um conjunto de ações/atividades e serviços comprometendo-se com a qualidade e a melhoria contínua, garantindo permanentemente a prestação de serviços de qualidade aos seus clientes e todas as partes interessadas, numa ótica de modernização e liderança de serviços. Falamos das Políticas da Qualidade, da Ética, da Orientação para o Cliente, de Recursos Humanos e das Parcerias.

Estas Políticas constituem-se como um documento orientador de condutas e comportamentos que, a par com o Código de Conduta e Ética, guiam as atitudes e ações de todos os colaboradores da instituição, bem com a relação que é estabelecida com todas as partes interessadas: clientes, pessoas significativas, fornecedores e parceiros, compreendendo a natureza holística e interdisciplinar da arquitetura do sistema de prestação de serviços ao nível da reabilitação.

Só assim se ganham elevados níveis de complementaridade e sinergias positivas que se constituem como um valor acrescentado na conquista de uma maior qualidade de vida dos nossos clientes.

Assim, o seu Posicionamento Estratégico pretende
Consolidar uma liderança dos serviços, investindo proactivamente em novos desafios, novas oportunidades, apostando no desenvolvimento profissional dos seus colaboradores e implementando melhores práticas de gestão e de prestação de serviços, mantendo-nos na vanguarda da reabilitação da pessoa com deficiência e incapacidade.



Caracterização da Instituição

Atualmente a Instituição tem a funcionar dois polos distintos, um em Anadia e outro na Mealhada, desenvolvendo 4 respostas sociais que consubstanciam os princípios da ética, dos direitos e da abrangência. Falamos de 2 Centros de Atividades Ocupacionais (CAO), que apoiam 95 clientes; 4 Lares Residenciais (LRE), com 47 camas e o Serviço de Apoio Domiciliário (SAD), para 10 clientes. Tem, ainda, a Formação Profissional (FP), no âmbito do PO ISE, que forma jovens com incapacidade intelectual.

Objetiva-se, deste modo, o fim último da sua atividade que é o de promover a qualidade de vida do cidadão com deficiência e incapacidade intelectual, nas suas múltiplas dimensões – Autodeterminação, Direitos, Bem-estar, Inclusão Social, Desenvolvimento Pessoal e Relações Interpessoais, maximizando o seu potencial e construindo um projeto de vida consistente, tendo sempre em consideração o seu contexto cultural, os seus sistemas de valores, os seus objetivos, expectativas e necessidades.